Separe em dois: lixo comum e reciclável

17/08/2018

Você sabia que 40% do lixo gerado em São Paulo, apenas 7% é reciclado? Repensar, reutilizar, recusar, reduzir e reciclar o lixo são pilares essenciais para diminuir o lixo enviado de forma incorreta aos aterros sanitários. Cada cidadão tem um papel importante na transição desse cenário, que tem início na mudança de hábitos de consumo, mas, principalmente, na responsabilidade pelo lixo gerado dentro de casa.

Mas você sabe como deve proceder? É simples! Separe o lixo em dois: lixo comum e reciclável e deixe que os responsáveis pela limpeza urbana da cidade façam o resto. No lixo comum você deve depositar restos de alimentos, folhas e restos de podas, papel higiênicos, guardanapos e fraldas usadas, borras de café e esponjas de limpeza, por exemplo. Já as garrafas plásticas, latas de alumínio, vidros, papéis (jornais, revistas, papelão), embalagens Tetra Pak, devem ser colocadas no reciclável.

O óleo de cozinha, pilhas e baterias, eletrônicos, materiais de construção, medicamentos e entulhos são resíduos que não podem ser descartados em qualquer lugar. Aqui é possível identificar os pontos de coleta desses materiais.

Destinar corretamente o lixo é o primeiro passo para começar essa transformação. Valorize também o trabalho dos coletores e de cooperativas que atuam na coleta e na separação do lixo, eles são de extrema importância para manter a saúde da cidade. Agir de maneira sustentável não é moda, é necessidade. Faça sua parte! A natureza agradece!

Tags: dicas, vídeos
Espalhe essa informação

Assuntos Relacionados