Reciclômetro

Reciclômetro é uma ferramenta de transparência que permite conhecer o volume de resíduos recicláveis segregados pelas duas Centrais Mecanizadas de Triagem da cidade de São Paulo - Carolina Maria de Jesus e Ponte Pequena. As Centrais são operadas pelas Cooperativas - Coopercaps e a Vira Lata habilitadas pela Amlurb - Autoridade Municipal de Limpeza Urbana. Os resíduos recicláveis que são manejados nas centrais são decorrentes da coleta seletiva domiciliar realizada pelas concessionárias Ecourbis e LOGA. Maiores informações sobre a operação das centrais no link Informações adicionais sobre o Reciclômetro podem ser obtidas no link

Centrais Mecanizadas De Triagem

São Paulo é a única cidade latino-americana que possui um sistema de triagem mecanizada para separação de resíduos recicláveis.

As CMTs são geridas pela Loga e Ecourbis. A gerida pela Ecourbs se chama Carolina Maria de Jesus, e fica localizada no bairro de Santo Amaro, na zona sul de São Paulo. A outra Central Mecanizada de Triagem de São Paulo fica na região do Bom Retiro e é administrada pela Loga.

Com a participação de todos, São Paulo, um dos maiores centros urbanos do planeta, pode se tornar exemplo de sucesso para o Brasil e para o mundo na área.

Prefeitura de São Paulo, através da Autoridade Municipal de Limpeza Urbana, a Amlurb.

Comercialização online dos resíduos recicláveis

A prefeitura do Município de São Paulo, com o intuito de gerar trabalho e renda para catadores de materiais recicláveis, construiu duas plantas mecanizadas para triagem dos materiais recicláveis, isso tem proporcionado enormes benefícios ambientais e econômicos para a cidade e para o meio ambiente.

Diante disso, as duas CMTs (Central de triagem mecanizadas) estão preparadas para receber os materiais recicláveis coletados na cidade de São Paulo, está coleta é realizada diariamente por duas concessionários (LOGA e ECOURBIS), após a coleta, estes recicláveis são encaminhados para as duas CMTs, lá, os catadores através de duas cooperativas fazem a triagem, prensagem, pesagem e a comercialização destes recicláveis.

De acordo as diretrizes do anexo III da resolução no 109/AMLURB/2017 da prefeitura do Município de São Paulo, as duas CMTs administradas por cooperativas de catadores, a COOPERATIVA DE TRABALHO DA COLETA SELETIVA, TRIAGEM, PRODUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO DE MATERIAIS RECICLÁVEIS DE SÃO PAULO – SP - COOPER VIRA LATA, e a COOPERATIVA DE TRABALHO E PRODUÇÃO, COLETA, TRIAGEM, BENEFICIAMENTO E COMERCIALIZAÇÃO DE MATERIAIS RECICLÁVEIS DA CAPELA DO SOCORRO – COOPERCAPS/FILIAL passaram a fazer a comercialização de forma ON line, onde as empresas interessadas deverão fazer seu cadastro, e com isso, caso seja aprovada e estarem de acordo com as normas, poderão fazer suas propostas de compra dos materiais recicláveis.

A partir do momento em que a empresa tiver seu cadastro aprovado, ela poderá visitar as duas CMTs para conhecerem os materiais recicláveis e tirar as dúvidas com os representantes destas cooperativas.

Contudo, a comercialização dará mais transparência para o cidadão da cidade e mais segurança para as empresas compradoras, portanto, aguardamos sua visita e cadastro.

Para duvidas sobre como se cadastrar e participar nos leilões, acesse Leilão de Vendas.

Centrais mecanizadas de triagem