Recicla Sampa - 3 iniciativas para se viver numa cidade mais sustentável
Recicla Sampa
sp156

Para esclarecer dúvidas sobre os serviços de coleta domiciliar de resíduos sólidos, limpeza urbana e varrição pública entre em contato com o 156 ou clique aqui.

3 iniciativas para se viver numa cidade mais sustentável

Veja outros artigos relacionados a seguir

Foto1
Especialista afirma que respeitar o meio ambiente é a chave para um futuro saudável da humanidade. Foto: J Comp / Freepik

Até 2050, o mundo terá um acréscimo de 2,5 bilhões de habitantes. A partir desta constatação, Luis Antônio Lindau, diretor da WRI, multinacional especializada em pesquisas ambientais, alerta sobre as consequências desse crescimento populacional para o meio ambiente. E propõe soluções que podem começar a promover um futuro mais sustentável desde já.

Confira três iniciativas que uma cidade deve ter para crescer em harmonia com o meio ambiente e garantir uma vida saudável para seus habitantes.

Acessibilidade

Muito se tem falado em mobilidade urbana e para o profissional essa deve ser uma pauta prioritária para os governos. Isso porque, com o aumento populacional o quadro deve piorar ainda mais, ampliando a dificuldade de acesso ao transporte público, por exemplo. As cidades devem começar a olhar para essa demanda, estudando soluções para a população para que todos exerçam seu direito de “ir e vir” com tranquilidade.

Reduzir a emissão de gases poluentes

A emissão de gás carbônico pode ser responsável pelo aquecimento global. Cientistas acreditam que se a Terra aumentar pelo menos um grau centígrado, haverá um desequilíbrio ambiental que pode ocorrer em estações climáticas indefinidas, aparecimento de fenômenos inesperados, como tufões e tsunamis, aumento de doenças respiratórias, entre outras consequências.

De acordo com Lindau, se até 2050 as grandes cidades não reduzirem a emissão de gases poluentes, esse aumento de temperatura será inevitável.

“Hoje em dia, as metrópoles são responsáveis por 60 a 70% da emissão desses gases”.

Mobilidade elétrica

As fumaças de veículos têm uma grande parcela de culpa na emissão desses gases poluentes. “Por ano, 50 mil pessoas morrem devido as péssimas condições do ar”. Para solucionar essa questão, o profissional indica que órgãos públicos e privados invistam em frotas de ônibus elétricos. Dessa forma, é possível diminuir a emissão de gás carbônico emitido.

“Muita gente no Brasil ainda não acredita no aquecimento global. Apesar disso, temos que repensar nosso modo de desenvolvimento. Acredito que um crescimento sustentável é a chave para um futuro saudável da humanidade”.

Texto produzido em 28/01/2020


Últimas

Notícias

Assembleia da ONU para o Meio Ambiente começa no Quênia

Encontro busca definir prioridades e desenvolver legislação ambiental internacional

26/02/2024
Notícias

Indicadores da coleta de lixo melhoram no Brasil, indica Censo

Com 99% da população atendida, São Paulo e outras capitais lideram ranking brasileiro

23/02/2024
Notícias

Um caminhão de roupas é descartado por segundo no mundo

Indústria da moda é responsável por 10% das emissões de gases do efeito estufa

22/02/2024
Dicas de Reciclagem

Iniciativa instala pontos de coleta de lixo eletrônico em estações da CPTM

Pontos de Entrega Voluntária ficarão instalados em cinco estações até 29 de março

21/02/2024