Recicla Sampa - Governo Federal divulga Plano Ecológico na COP 28
Recicla Sampa
sp156

Para esclarecer dúvidas sobre os serviços de coleta domiciliar de resíduos sólidos, limpeza urbana e varrição pública entre em contato com o 156 ou clique aqui.

Governo Federal divulga Plano Ecológico na COP 28

Veja outros artigos relacionados a seguir

Foto1
País encaminha proposta do terceiro mundo por um novo e sustentável modelo de globalização. Foto: RIcardo Stuckert / PR

O governo federal apresentou para o mundo na última sexta-feira (1) durante um painel da COP 28, que acontece em Dubai, Emirados Árabes Unidos, o Plano de Transformação Ecológica do Brasil.

Com uma proposta ampla, que abrange todo o Sul Global, a iniciativa chamou atenção das milhares de pessoas que participam da Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas.

O Sul Global é o termo usado para se referir aos países em desenvolvimento ou emergentes que, em sua ampla maioria, estão no Hemisfério Sul do planeta.

De acordo com a fala do ministro da Fazenda, Fernando Haddad, o plano, além de ser uma plataforma para investimentos sustentáveis no país, é uma proposta do terceiro mundo por um novo modelo de globalização.

"Uma globalização que seja ambientalmente sustentável e socialmente inclusiva com reformulação dos fluxos financeiros globais, passando pela afirmação do Sul como centro da economia verde”, explicou o ministro.  

Durante o discurso, Haddad disse que o plano deve superar a herança colonial de exclusão social, destruição ambiental e subordinação internacional do Brasil e lembrou da pilhagem do período colonial, ocorrido junto com a exploração dos povos pré-colombianos e dos escravos africanos.

 “Os efeitos ambientais e humanos da extração de todos esses produtos [açúcar, ouro e café], que eram majoritariamente consumidos no Norte Global e tiveram um papel fundamental na história do desenvolvimento desses países, foram sentidos no Brasil, na América Latina e na África. Por isso, é tão injusto que os países do Norte agora queiram que o Sul Global pague os custos da crise climática em que vivemos”, opinou Haddad.

O ministrou ainda afirmou que o Plano de Transformação Ecológica pretende interromper cinco séculos de extrativismo irresponsável. “As iniciativas visam criar as condições para uma nova onda de investimentos que terá como objetivo principal o adensamento tecnológico da nossa indústria, a qualificação da nossa força de trabalho e a modernização da nossa ciência e tecnologia”, finalizou o minsitro.

Fonte: Agência Brasil


Últimas

Notícias

Indicadores de coleta de lixo melhoram no Brasil, indica Censo

Com 99% da população atendida, São Paulo e outras capitais lideram ranking brasileiro

23/02/2024
Notícias

Um caminhão de roupas é descartado por segundo no mundo

Indústria da moda é responsável por 10% das emissões de gases do efeito estufa

22/02/2024
Dicas de Reciclagem

Iniciativa instala pontos de coleta de lixo eletrônico em estações da CPTM

Pontos de Entrega Voluntária ficarão instalados em cinco estações até 29 de março

21/02/2024
Notícias

Reciclagem não é solução para crise do lixo plástico

Relatório revela que fabricantes reconhecem ineficiência da circularidade há décadas

20/02/2024