Quatro bons motivos para reciclar um celular

29/06/2021

No século XXI, com a ameaça cada vez maior de um tsunami incontrolável de lixo eletrônico nas próximas décadas, cada cidadão carrega uma responsabilidade histórica, diretamente vinculada à quantidade de resíduos que gera e como os descarta.

E é claro que os telefones celulares, principalmente em função da alta frequência com que trocamos de aparelho, são os grandes vilões dessa história.

As Nações Unidas e a Organização Internacional do Trabalho alertaram recentemente que as atuais 50 milhões de toneladas de eletrolixo geradas a cada ano mais que dobrarão até 2050, tornando-se o fluxo de resíduos que mais cresce no planeta.

No último levantamento da The Global E-waste Monitor 2020, o Brasil aparece na liderança do ranking da produção de E-Lixo na América Latina.

Por isso, a gente aqui no Recicla Sampa organizou uma lista para te explicar e te convencer a não jogar seu telefone velho em “qualquer lugar”, nem deixar ele parado na sua gaveta do quarto.      

É fácil coletar, é fácil reciclar

Enquanto alguns dispositivos eletrônicos desafiam a logística reversa de fabricantes e os grandes centros de pesquisa, coletar e reciclar um telefone celular é relativamente fácil, especialmente em comparação com eletrônicos mais volumosos e complexos. Especialistas afirmam que cerca de 80% dos componentes dos celulares podem ser reciclados e grandes marcas e operadoras do setor como Samsung, Apple, Vivo e Claro recebem e encaminham os aparelhos para reciclagem.

Minimiza o impacto ambiental

Telefones celulares contêm uma grande variedade de metais preciosos, como ouro e prata, e diferentes tipos de plástico e outras substâncias como chumbo, mercúrio, cádmio, arsênico. Portanto, além de recuperar metais preciosos e raros, a reciclagem de celulares evita a contaminação do ar, do solo e dos lençóis freáticos pelo descarte incorreto nos aterros sanitários e minimiza os impactos ambientais dos processos de extração e de mineração dessas substâncias.

Quase tudo é reaproveitável

Quase todos os materiais usados ​​para fabricar telefones celulares podem ser reinseridos na cadeia de produção e distribuição da logística reversa. Os metais recuperados de telefones celulares reciclados são muito versáteis e acabam utilizados ​​na fabricação de joias, eletrônicos e automóveis.  

Economia de energia elétrica

Pesquisas recentes indicam que reciclar apenas um telefone celular economiza energia suficiente para alimentar um laptop por 44 horas. Imagina o tamanho da economia se a reciclagem for feita em larga escala.

Faça sua parte!

Clique aqui e encontre um ponto para o descarte correto de celulares e outros resíduos eletrônicos.

Texto produzido em 29/6/2021

Tags: notícias
Espalhe essa informação

Assuntos Relacionados