Recicla Sampa invade a cidade no feriado

19/06/2019

Imagem - Avenida Paulista, em São Paulo. Foto: Wanner Cavagnolle / Free Images

Avenida Paulista, em São Paulo. Foto: Wanner Cavagnolle / Free Images

O Movimento Recicla Sampa vai aproveitar o feriado de Corpus Christi, dia 20 de junho, para movimentar a capital paulista com muita conscientização e informação sobre reciclagem. Dois grandes eventos contarão com a participação do Recicla: a ‘Marcha para Jesus’, no dia 20, e a ‘23ª Parada do Orgulho LGBT de São Paulo’, em 23 de junho. A ideia é chamar a atenção da população sobre a importância da separação do lixo dentro de casa em dois: comum e reciclável. Durante os dois dias, nos intervalos dos shows, serão exibidos vídeos explicativos sobre a forma correta de descarte dos resíduos.

Marcha para Jesus

Cerca de 100 mil pessoas são esperadas para o evento evangélico Marcha para Jesus, que contará com 10 trios elétricos e mais de 25 artistas gospel para agitar os 3,5 quilômetros de percurso. A caminhada sairá da Estação da Luz do Metrô, às 10h, e seguirá para a Praça Heróis da Força Expedicionária Brasileira (FEB), próximo ao Campo de Marte, na zona Norte da cidade.

23ª Parada do Orgulho LGBT de São Paulo

Este ano, um dos maiores eventos LGBT do mundo, tem como tema os 50 anos de Stonewall, uma rebelião ocorrida em Nova York, em junho de 1969, em protesto contra a violência policial a membros da comunidade LGBT no bar Stonewall Inn, em Manhattan. O slogan desse ano será “Nossas conquistas, nosso orgulho de ser LGBT” e terá à frente do evento a jornalista e apresentadora Fernanda Lima.  A concentração será a partir das 10h, em frente ao Masp, na Avenida Paulista, e seguirá até a região da praça Roosevelt, onde ocorrerá o show de encerramento às 18h30.

Nos últimos meses, o Recicla Sampa vem realizando ações de diferentes formatos para incentivar à reciclagem em São Paulo. A ideia é engajar a população, esclarecendo dúvidas em relação ao descarte do lixo e, principalmente, diminuir a quantidade de lixo enviado aos aterros sanitários. Na capital, 40% dos resíduos coletados poderiam ser reaproveitados, mas acabam sendo destinados aos aterros. Somente algo como 7% dos resíduos domiciliares são reciclados. 

Recentemente, no aeroporto de Congonhas, as cerca de 80 mil pessoas que circulam diariamente por lá também puderam se informar sobre reciclagem com vídeos demonstrando a separação do lixo. Os materiais foram exibidos nos 35 painéis digitais distribuídos no local. Foram entregues também informativos sobre reciclagem e 200 sacos com compostos orgânicos. A Amlurb (Autoridade Municipal de Limpeza Urbana), responsável por gerenciar as concessionárias que atuam na coleta de lixo na cidade, promoveu palestras para os funcionários do aeroporto explicando o propósito do Movimento e a importância da cidadania durante o processo de conscientização da população.

Virada

O Recicla Sampa também marcou presença na 15ª Virada Cultural, realizada em maio. Sob o comando do rapper Thaíde, o público pode ter acesso a informações sobre a separação dos resíduos. E as atividades não pararam por aí. Durante a Semana Mundial do Meio Ambiente, os relógios espalhados pela capital também exibiram mensagens de incentivo à separação do lixo em dois. Além disso, no mesmo período, os usuários da estação da Luz puderam tirar as principais dúvidas em relação ao tema com agentes ambientais que ficaram disponíveis dentro do metrô. Quem passou pelo local ainda recebeu compostos orgânicos dos Pátios de Compostagem da Prefeitura.  

“Em grandes eventos como esses conseguimos impactar um número maior de pessoas sobre a importância de separar o lixo dentro das residências. É fundamental que elas saibam que, mais do que contribuir para a preservação do meio ambiente, reciclar é uma questão de cidadania, já que beneficia milhares de famílias que sobrevivem desses resíduos”, afirma Edson Tomaz de Lima Filho, presidente da Amlurb (Autoridade Municipal de Limpeza Urbana).

 

Texto produzido em 19/06/2019

Tags: matérias
Espalhe essa informação

Assuntos Relacionados