Recicla Sampa - Reciclagem tem potencial de gerar 4,8 milhões de empregos
Recicla Sampa
sp156

Para esclarecer dúvidas sobre os serviços de coleta domiciliar de resíduos sólidos, limpeza urbana e varrição pública entre em contato com o 156 ou clique aqui.

Reciclagem tem potencial de gerar 4,8 milhões de empregos

Veja outros artigos relacionados a seguir

Foto1
CEPAL e OIT vinculam economia circular à novas oportunidades na América Latina. Foto: @role_sp

Um relatório conjunto da Divisão de Desenvolvimento Econômico da Cepal e do Escritório da OIT para o Cone Sul da América Latina trouxe à tona uma abordagem inovadora sobre a relação entre reciclagem e emprego.

Segundo o documento, a transição para uma economia circular, onde a eficiência e a vida útil dos materiais são otimizadas, com enfoque em durabilidade, reparo, remanufatura, reutilização e reciclagem, poderia impulsionar a criação de 4,8 milhões de empregos até 2030.

Essa estimativa é respaldada pela projeção de que os setores de reprocessamento de aço, alumínio, madeira e outros metais desempenharão um papel crucial na geração de novas oportunidades de trabalho, superando as perdas de empregos associadas à tradicional extração de minerais e materiais.

O relatório ressalta a relevância dessas indústrias emergentes que abraçam a sustentabilidade ambiental do planeta e afirma que o impacto positivo será uma realidade incontestável.

Contudo, as perspectivas se tornam ainda mais promissoras quando consideramos a inclusão dos chamados "empregos verdes", que incluem setores como eficiência energética, energia renovável, transporte e mobilidade sustentável.

Ao somar essas áreas de atuação, estima-se que um impressionante total de 15 milhões de novos postos de trabalho poderiam ser gerados em toda a região do Cone Sul latino-americano.

No entanto, é importante destacar que essa é uma análise específica para essa área geográfica e que o impacto real pode ser ainda maior quando toda a América Latina e o Caribe são levados em consideração.

Vale ressaltar que a proposta de uma economia circular e os empregos associados à transição não são apenas números e estatísticas, mas também carregam um importante papel na proteção e bem-estar dos trabalhadores.

A OIT alertou em outro relatório que a degradação ambiental representa uma ameaça direta aos empregos e agrava as condições de trabalho, principalmente para os segmentos mais vulneráveis da população mundial.

Portanto, a busca pela sustentabilidade ambiental se apresenta cada vez mais como uma questão crucial de justiça social, e a transformação dos paradigmas econômicos pode ser a chave para um futuro mais equitativo e próspero para o continente.


Últimas

Notícias

Brasil reciclou seis mil toneladas de latas de alumínio desde 1990

Circularidade do material gera emprego e renda para 800 mil catadores de lixo reciclável

14/06/2024
Notícias

Governo Federal anuncia investimentos em cooperativas de reciclagem no Brasil

Liberação de R$ 8 milhões vai beneficiar mais de 15 entidades e associações do setor

13/06/2024
Notícias

O que é Ecodesign e qual sua importância para a sustentabilidade

Tendência busca minimizar impactos ambientais durante o ciclo de vida dos produtos

12/06/2024
Notícias

São Paulo tem o maio mais quente em 81 anos

Entenda como a reciclagem contribui para conter o aquecimento global

11/06/2024