Reino Unido testa estradas feitas de plástico reciclado

15/05/2018

Imagem - Reino Unido. Foto: Vadim Ratnikov/shutterstock.com

Reino Unido. Foto: Vadim Ratnikov/shutterstock.com

Um estudo de 2016 estima que, se continuarmos descartando plástico de maneira incorreta, em 2050 haverá mais plástico do que peixes nos oceanos. Para tentar ajudar na questão, o engenheiro escocês Toby McCartney decidiu dar um novo uso aos plásticos que são jogados no lixo todos os dias e criou grãos de polímero, que chamou de “MR6”. Depois, misturou-os com rocha e betume e usou a mistura para construir estradas.

A ideia veio de uma viagem à Índia, quando McCartney percebeu que os moradores utilizavam plástico para cobrir buracos nas vias. De volta à sua residência no Reino Unido, ele inaugurou a start-up MacRebur, onde desenvolve o projeto. De acordo com ele, seus pavimentos são 60% mais fortes e 10 vezes mais duráveis, além de mais baratos.

O primeiro teste foi feito na calçada de sua casa e, agora, o estado de Cumbria, localizado no norte da Inglaterra, já implantou as estradas de plástico em algumas de suas vias. Uma parte da Green Dragon Lane, uma rota movimentada de ônibus no bairro de Enfield, em Londres, também conta com a mistura criada por McCartney.

“Todos sabemos que os plásticos podem ter um impacto devastador no meio ambiente, especialmente quando o produto atinge nossos mares e oceanos. Todos nós temos a responsabilidade de intensificar esforços para ajudar o meio ambiente, reciclando mais”, disse Daniel Anderson, membro do Conselho de Enfield para o Meio Ambiente.

Existem 40 milhões de quilômetros de estradas no mundo, que utilizam centenas de milhões de barris de petróleo. Sendo assim, a iniciativa do engenheiro escocês também ajuda a preservar recursos naturais.

Fontes: McRebur | BBC | British Plastics

Tags: notícias
Espalhe essa informação

Assuntos Relacionados