Brasileiras do ensino médio desenvolvem detergente biodegradável

24/01/2022

Imagem - Detergente biodegradável desenvolvido pelas estudantes. Foto: Divulgação

Detergente biodegradável desenvolvido pelas estudantes. Foto: Divulgação

Em campanhas de sustentabilidade, você com certeza já ouviu falar sobre a redução do consumo da água ao lavar a louça. Fechar a torneira é essencial, mas e o detergente usado na hora da limpeza? Você já pensou para onde vai a espuma que vai para o ralo e qual é o seu impacto no meio ambiente?

Todos os dias, as espumas desses produtos atingem os sistemas de esgoto e, sem o devido tratamento, acabam poluindo rios e lagos. E como fazer para amenizar esse problema? Pensando nisso, duas alunas do ensino médio desenvolveram um detergente biodegradável.

Vitória Chiaratti e Gabriella Costa Pereira, do Colégio Bom Jesus, de Itajaí (SC), foram responsáveis por uma importante invenção. Ainda em 2019, as estudantes desenvolveram um projeto para criar um detergente biodegradável para lavar louças de forma mais sustentável.

Após a pesquisa teórica feita em 2019, iniciaram os testes para chegar à uma mistura biodegradável, capaz de limpar e não degradar o meio ambiente: uma barra de sabão de coco, açúcar, álcool e bicarbonato. Já a embalagem, desenvolvida no ano seguinte, é feita com água, gelatina e glicerina.

Um lacre com barbante e também um antifúngico foram feitos neste ano.

“Quando fazíamos as aulas de Iniciação Científica, sempre nos preocupávamos com a degradação do meio ambiente. Percebemos, então, que pequenos hábitos poderiam auxiliar na preservação”, comenta Gabriella.

Para a produção do detergente, elas iniciaram com um produto líquido composto de sabão de coco e óleo vegetal. Depois, prepararam um detergente em barra com essas mesmas matérias-primas.

Até que chegaram aos produtos satisfatórios: a mistura de água, gelatina e glicerina para a embalagem, e a combinação de sabão de coco e óleo vegetal para o detergente em barra, que segundo as estudantes, mesmo após 120 dias, não sofreu com a ação de fungos.

Texto produzido em 24/1/2022

Tags: notícias
Espalhe essa informação

Assuntos Relacionados