Recicla Sampa - Custo social e ambiental da poluição plástica é de R$ 1,3 trilhões
Recicla Sampa
sp156

Para esclarecer dúvidas sobre os serviços de coleta domiciliar de resíduos sólidos, limpeza urbana e varrição pública entre em contato com o 156 ou clique aqui.

Custo social e ambiental da poluição plástica é de R$ 1,3 trilhões

Veja outros artigos relacionados a seguir

Foto1
Mundo produz cerca de 430 milhões de toneladas de plásticos anualmente, informa ONU. Foto: anokato / shutterstock.com

O Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma) revela que o mundo produz cerca de 430 milhões de toneladas de plásticos anualmente.

Ainda segundo os dados do Pnuma, dois terços de todo esse volume é utilizado apenas uma vez antes de ser descartado e os custos social e ambiental causados pela poluição plástica são altos: US$ 1,3 trilhões todos os anos.

Ou seja, são descartáveis, popularmente conhecidos como plásticos de uso único, e têm decomposição estimada em até 400 anos.

Para piorar, entre os plásticos com reciclabilidade, menos de 10% são de fato reciclados.

O resto acaba incinerado ou é descartado nos aterros sanitários. Isso quando os resíduos não vão parar no meio ambiente.

Estima-se que entre 19 e 23 milhões de toneladas terminem anualmente em lagos, rios e mares, onde causam danos imensuráveis aos ecossistemas.

Clico de vida dos plásticos

Embora o impacto ambiental do lixo plástico seja frequentemente enquadrado como uma questão de gerenciamento de resíduos, o conceito abrange todos os efeitos negativos da produção e do consumo em todo o seu ciclo de vida.

Esses efeitos vão desde a extração e processamento de matérias-primas e passam pelo design, fabricação, distribuição, uso e descarte.

Em todas essas etapas, alerta a ONU, os plásticos impactam a saúde das pessoas e do planeta.

Para o Pnuma, todos os estágios devem ser abordados para reduzir a poluição e o desperdício.

Quais plásticos são recicláveis e quais não são?

Na teoria, todos os plásticos podem ser reciclados. Mas na prática, não é bem assim. Com certeza todo mundo já viu em alguma embalagem plástica um pequeno triângulo feito de três setas com um único número no centro.

Primeiro, esse não é o símbolo da reciclagem, como muita gente pensa. Esse é um símbolo criado pela Plastic Industry Association.

Ele indica de qual tipo de plástico a embalagem é feita. Os triângulos com números (1 a 7) são códigos mundiais de identificação do tipo de resina e comunicam a partir de qual polímero o produto foi fabricado.

Mas como saber qual plástico será reciclado e qual não será?

Para facilitar a vida do pessoal, organizamos uma lista com informações importantes sobre cada tipo de plástico.

Clique aqui e confira quais plásticos são lixo reciclável e quais são considerados rejeito


Últimas

Notícias

Brasil reciclou seis mil toneladas de latas de alumínio desde 1990

Circularidade do material gera emprego e renda para 800 mil catadores de lixo reciclável

14/06/2024
Notícias

Governo Federal anuncia investimentos em cooperativas de reciclagem no Brasil

Liberação de R$ 8 milhões vai beneficiar mais de 15 entidades e associações do setor

13/06/2024
Notícias

O que é Ecodesign e qual sua importância para a sustentabilidade

Tendência busca minimizar impactos ambientais durante o ciclo de vida dos produtos

12/06/2024
Notícias

São Paulo tem o maio mais quente em 81 anos

Entenda como a reciclagem contribui para conter o aquecimento global

11/06/2024