Recicla Sampa - Luvas de látex são recicláveis? Saiba onde descartar
Recicla Sampa
sp156

Para esclarecer dúvidas sobre os serviços de coleta domiciliar de resíduos sólidos, limpeza urbana e varrição pública entre em contato com o 156 ou clique aqui.

Luvas de látex são recicláveis? Saiba onde descartar

Veja outros artigos relacionados a seguir

Foto1
As luvas são um excelente exemplo de resíduos recicláveis que ainda não são reciclados. Foto: iKatod / shutterstock.com

Luva de látex é aquela velha história: é reciclável, mas não é reciclada.

Ou seja, o resíduo ainda não tem reciclabilidade e é considerado rejeito nas Centrais Mecanizadas de Triagem da Loga e da EcoUrbis e nas cooperativas de reciclagem da capital.

Portanto, mesmo se você descartar juntos com os resíduos secos, elas vão acabar nos aterros sanitários.

A dica é aumentar ao máximo seu tempo de vida útil e encontrar uma nova função quando não der mais para usar.

Use a imaginação e reuse tudo o que for possível! Na rede você encontra ideias incríveis para reutilizar suas luvas.

Agora, se não tiver jeito, pode descartar no lixo comum mesmo.

Luvas de látex são biodegradáveis

Atenção! Quando for comprar uma luva pesquise e dê sempre preferência para as fabricadas em látex.

Apesar de não terem reciclabilidade e demorarem alguns anos para se decompor, pelo menos são biodegradáveis e não são produzidas de derivados do plástico, com estimativa de séculos para a decomposição completa.

Reciclável X Reciclabilidade

Existem resíduos sólidos que são recicláveis, mas não têm reciclabilidade. Ou seja, são caros demais para reciclar, difíceis de coletar ou ainda não há tecnologia ou iniciativas para o seu reaproveitamento em larga escala.

Bons exemplos são os cotonetes, as esponjas de lavar louça, o papel filme e as luvas de látex e borracha.

Até mesmo alguns plásticos de uso único, como aqueles das colheres e mexedores de bebidas, são na teoria recicláveis, mas não tem reciclabilidade.

Importante destacar que muitas vezes a reciclagem não só fica mais cara do que a produção com matérias primas virgens, como impacta o meio ambiente na mesma proporção, ou até mais.

Em resumo, os materiais que não têm reciclabilidade são aqueles que ainda não interessam para as empresas do setor e na melhor das hipóteses acabam nos aterros sanitários. Isso quando não acabam no meio ambiente e demoram séculos para se decompor, caso dos plásticos de uso único citados acima.

Portanto, o ideal é sempre pesquisar sobre o que é reciclável na prática, não apenas na teoria.


Últimas

Dicas de Reciclagem

Brasil produz 2,4 milhões de toneladas de eletrolixo por ano

Entenda o que é saiba onde descartar lixo eletrônico na cidade de São Paulo

18/06/2024
Notícias

São Paulo lança programa para melhorar gestão de resíduos

Projeto busca modernizar infraestrutura de tratamento e destinação do lixo no estado

17/06/2024
Notícias

Brasil reciclou seis mil toneladas de latas de alumínio desde 1990

Circularidade do material gera emprego e renda para 800 mil catadores de lixo reciclável

14/06/2024
Notícias

Governo Federal anuncia investimentos em cooperativas de reciclagem no Brasil

Liberação de R$ 8 milhões vai beneficiar mais de 15 entidades e associações do setor

13/06/2024