Maior rede de resorts caribenhos não usará mais isopor - Recicla Sampa
Recicla Sampa
sp156

Para esclarecer dúvidas sobre os serviços de coleta domiciliar de resíduos sólidos, limpeza urbana e varrição pública entre em contato com o 156 ou clique aqui.

Compartilhar - WhatsApp Compartilhar - Facebook Compartilhar - Twitter Compartilhar - Linkedin

Maior rede de resorts caribenhos não usará mais isopor

25 de Julho de 2019,12h00

Foto1
Hotéis possuem certificado ambiental internacional de empreendimentos que contribuem pela preservação do ecossistema do planeta. Foto: Divulgação/Sandals Resorts

Depois de eliminar canudos, mexedores de drinques e sacolas de plástico no ano passado, a Sandals Resorts, maior rede de hospedagem caribenha, passará a não usar mais isopor em sua operação.

Em um evento para anunciar a decisão à imprensa, a vice-presidente da empresa, Adam Stewart, disse que ação é uma medida preventiva para garantir que as próximas gerações possam apreciar a vida marinha nas mais de 700 ilhas caribenhas.

De acordo com dados divulgados pela Wildlife Over Waste da Environment America, Ong internacional de pesquisas ambientais, cientistas descobriram fragmentos de plástico e isopor em 86% das espécies de tartarugas do mar, 44% em aves que vivem próximas ao oceano e 43% em mamíferos marinhos.

“Eliminar o isopor é mais uma forma de reduzir a quantidade de resíduos que geramos em nosso dia a dia e assim melhoramos a vida dos animais marinhos e da comunidade caribenha”, disse Stewart aos jornais locais.

Além de abandonar o uso dos materiais poluentes, a rede de hotéis, por meio de sua fundação filantrópica, informa aos moradores e turistas sobre os perigos que um descarte incorreto de lixo pode causar no meio ambiente, na saúde e no turismo da região.

Todos os Sandals e Beaches Resorts são certificados com o título “Master” pelo programa EarthCheck, o que significa que são locais que contribuem para a preservação do ecossistema do planeta, já que a região do Caribe é rica em diferentes espécies de animais marinhos no mundo.

 

Fonte: Jamaica Observer

 

Texto produzido em 11/01/2019

Ícone - Carta

Receba nosso conteúdo


Últimas

Notícias

Com alta reciclabilidade, cobre é um resíduo valioso

Furto de cabos de semáforos na cidade de SP subiu 47% no primeiro semestre de 2022

03/08/2022
Notícias

Saiba como descartar o lixo de forma correta

É muito fácil separar os diferentes tipos de resíduos e começar a reciclar

02/08/2022
Notícias

Comissão da Câmara debate reciclagem de carros velhos no Brasil

Apenas 1,5% do carros velhos são reciclados no país; na Europa, índice chega a 85%

01/08/2022
Notícias

Maior parte do plástico de delivery não é reciclada, revela estudo

Dados inéditos indicam aumento de 46% de plástico enviado nos pedidos

29/07/2022