Neste Dia dos Namorados, assuma um relacionamento com o meio ambiente

12/06/2019

Imagem - Foto: Skeeze / Pixabay

Foto: Skeeze / Pixabay

Terminar o relacionamento com os plásticos descartáveis foi a proposta ousada que a Organização das Nações Unidas Meio Ambiente planejou para o Valentine's Day de 2018. Em vídeo, a campanha simulou o término de um relacionamento e aproveitou a data para convocar as pessoas a romperem com o plástico de uso único, como garrafinhas PET, canudos, sacos plásticos e utensílios, a fim de conter a disseminação do resíduo nos oceanos.

Apesar de ser uma data lembrada para celebrar o amor, o Dia dos Namorados também pode ser uma boa oportunidade para você assumir um compromisso sério com o meio ambiente. O Recicla Sampa aproveitou o dia 12 de junho no Brasil para te ajudar com algumas dicas sustentáveis. Restaurantes, passeios, viagens e até um jantar em casa a dois podem ser incríveis para você e para o meio ambiente.

Lugares sustentáveis

Que São Paulo reúne um mundo gastronômico com as mais diferentes opções de bares e restaurantes todos sabem. Mas o interessante é que a cidade comporta também opções resíduo zero. O que isso significa? Locais que adotam práticas contra o desperdício e o consumo desenfreado.

E você pode optar por conhecer um deles no Dia dos Namorados. O Corrutela, na zona Oeste de São Paulo, é um dos estabelecimentos que têm como regra não utilizar embalagens. Com um menu sustentável elaborados com vegetais orgânicos de fornecedores locais, o restaurante opta pela compostagem de suas sobras.

Já o Tubaína Bar, próximo ao Centro, aproveita para investir em móveis reutilizados na sua decoração. Primeiro bar de São Paulo a receber o Selo Restaurante Sustentável, a casa utiliza em média 30% de produtos frescos e orgânicos em seu cardápio, além de realizar a captação da água da chuva para reúso com fins não potáveis. Vale a visita.

Luz de velas

Se o casal curte mais o estilo caseiro, um jantar romântico optando por produtos locais pode ser uma boa pedida. O consumo consciente na cozinha, além de ser mais barato, também é mais saudável. A dica é: aproveite a data para preparar um ambiente propício, à luz de velas, evitando o consumo de energia.

As entradinhas podem ser adquiridas à granel no mercado mais próximo de sua casa. Frutas e legumes saborosos comprados em feiras orgânicas é uma ideia para compor as o prato principal e a sobremesa. E os drinks feitos com cachaça orgânica, produtos de origem e frutas da estação finalizam a produção. No site da Associação de Agricultura Orgânica, você pode ter acesso às informações sobre onde encontrar produtos orgânicos em São Paulo.

Deixe o trânsito de lado

O paulistano gasta em média três horas do seu dia no trânsito, segundo a Pesquisa de Mobilidade Urbana na Cidade, feito pelo Ibope Inteligência, em parceria com a Rede Nossa São Paulo. Por que não aproveitar a data para evitar esse desgaste? Passear no parque mais próximo de sua residência ou pedalar de bicicleta, são boas alternativas para momentos relaxantes em meio à natureza. Se você mora em São Paulo, conheça algumas das áreas verdes existentes na cidade.

Destinos ecológicos

Aproveitar o final de semana ao lado do seu amor também pode ser uma boa aposta, já que 26% dos entrevistados da Pesquisa Hábitos de Consumo, feita pela Boa Vista para o Dia dos Namorados de 2019, declararam que uma viagem seria o presente mais esperado para a data. Em quarto lugar no ranking dos 50 melhores destinos de ecoturismo no Brasil, Brotas está a capital paulista do turismo de aventura. Tirolesa, rafting e rapel estão entre as opções para quem quer sentir aquele frio na barriga. 

Localizado na região do Vale do Ribeira, Iporanga é uma boa opção para aqueles que desejam uma conexão com a natureza. O município abriga três dos quatro núcleos de visitação do Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira, onde passeios em cavernas e cachoeiras são as atividades mais procuradas.

Mas, se a ideia for descansar em meio à natureza, o Hotel Fazenda Campo dos Sonhos, em Socorro, pode ser uma boa pedida. Seguindo um estilo mais rústico da vida no campo, o hotel oferece atividades como plantio de árvores e ações educativas. E se a preferência for pela região litorânea, o município de Cananéia oferece o Lagamar EcoHotel, um espaço projetado com madeira de reaproveitamento e demolição e azulejos descartados pela indústria da construção. Inserido em uma área de preservação da Mata Atlântica, o hotel também adotou o movimento slow food, que dá prioridade para os produtos típicos da região e incentiva produtores locais.

 

Texto produzido em 11/06/2019

Tags: matérias
Espalhe essa informação

Assuntos Relacionados