Pesquisadores encontram microplásticos em neve na Antártida

15/06/2022

Imagem - É a primeira vez na história que este tipo resíduo é detectado em neve fresca. Foto: IgnacioFPV / shutterstock.com

É a primeira vez na história que este tipo resíduo é detectado em neve fresca. Foto: IgnacioFPV / shutterstock.com

Pesquisadores da Universidade Canterbury, conceituada instituição de ensino da Nova Zelândia, encontraram microplásticos em neve recém caída na região da Antártida.

Essa é a primeira vez na história que este tipo resíduo é detectado em neve “fresca”, fato que indica que eles viajaram milhares de quilômetros pelo ar.

A notícia deixa o mundo todo em estado de atenção e liga o sinal de alerta no movimento ambientalista sobre a presença de partículas plásticas nas regiões mais isoladas do planeta.

Publicados na revista científica The Cryosphere, os dados apresentaram 29 partículas de microplástico por litro de neve derretida, taxa muito superior às concentrações detectadas na últimas coletas.

Para piorar, as amostras foram coletadas em 19 locais diferentes, o que leva os cientistas a deduzirem que os resíduos foram transportados por correntes de ar por milhares de quilômetros.

MICROPLÁSTICOS

Desde o primeiro momento que o lixo plástico chega ao mar, os raios do sol, o vento e a ação das ondas passam a fragmentar os resíduos em pequenas partículas, geralmente com menos de um quinto de polegada de diâmetro.

Conhecidos como microplásticos, esses resíduos estão espalhados por todos os oceanos e foram encontrados nos quatro cantos do globo, desde o Monte Everest, o pico mais alto, até a Fossa das Marianas, o vale mais profundo.

Além disso, os microplásticos estão se decompondo em pedaços cada vez menores e microfibras plásticas foram achadas em sistemas de distribuição de água potável de várias cidades, onde também flutuam pelo ar.

VOCÊ PODE AJUDAR!

O seu papel é fundamental para a redução do uso do plástico ou para seu reaproveitamento. Uma primeira dica é verificar se a produção do que você anda usando em casa é feita com plástico reciclável. Para isso, basta procurar o símbolo da reciclagem nas embalagens. São aquelas setinhas que apontam uma para outra em formato triangular.

A segunda dica é separar o lixo em dois: comum e reciclável. Assim, você garante que os resíduos plásticos sejam encaminhados para uma Central Mecanizada de Triagem ou para uma cooperativa de catadores de lixo reciclável.

Texto produzido em 15/6/2022

Tags: notícias
Espalhe essa informação

Assuntos Relacionados