Recicla Sampa - Prêmio ECO 2018 homenageia projetos sustentáveis
Recicla Sampa
sp156

Para esclarecer dúvidas sobre os serviços de coleta domiciliar de resíduos sólidos, limpeza urbana e varrição pública entre em contato com o 156 ou clique aqui.

Prêmio ECO 2018 homenageia projetos sustentáveis

Veja outros artigos relacionados a seguir

Foto1
Prêmio ECO, edição 2017. Foto de divulgação

Considerada a premiação mais tradicional de sustentabilidade empresarial do Brasil, o Prêmio ECO acaba de anunciar seus vencedores de 2018. Foram selecionados 46 projetos de 38 companhias, dentre os projetos inscritos por 90 diferentes empresas. Promovido pela Câmara Americana do Comércio (Amcham) e pelo jornal O Estado de S. Paulo, o prêmio chega à sua 36ª edição, homenageando iniciativas voltadas à inclusão e à diversidade.

O primeiro lugar no ranking das maiores campeãs foi divido entre as empresas Rhodia, CPFL Energia e Bayer, com três troféus cada uma. Referência em indústria química, a Rhodia foi premiada pelos seus projetos que criaram uma metodologia de gestão para identificar o que pode ou não ser considerado como sustentável dentro do seu catálogo de produtos. A Rhodia também criou um solvente a partir de fonte renovável e implementou uma unidade que elimina o óxido nitroso, um dos gases do efeito estufa.

A empresa de energia CPFL, de Campinas, interior de São Paulo, foi premiada por um programa que mapeia e retira árvores que apresentam riscos à segurança da população, em uma parceria com as prefeituras da região. A empresa também foi premiada por adotar iniciativas de capacitação de professores para a educação ambiental nas escolas.

Já a farmacêutica e química Bayer, recebeu troféus pela ideia de captação de água de chuva para economia no consumo das unidades produtivas da Monsanto, em Camaçari (BA) e Uberlândia (MG), que registrou garantia de água nos meses mais secos do ano em Minas Gerais e uma economia de R$ 2,5 milhões na Bahia. A criação de uma gestão de processo de descarte de sementes e a criação do Comitê Corporativo de Diversidade, também foram projetos premiados.

Premiada em duas categorias, a C&A também foi destaque no evento com seus projetos de logística reversa e camiseta sustentável, a primeira de sua cadeia de produção. “Para nós é uma honra e um incentivo ter esse tipo de reconhecimento. Nossa estratégia de sustentabilidade passa pela preocupação em oferecer produtos mais sustentáveis, com toda uma rede de fornecimento que respeita essa diretriz”, afirma a gerente sênior de comunicação e sustentabilidade da C&A, Rozália Del Gaudio, em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo.

Lançado pela Amcham em 1982, o Prêmio ECO reconhece projetos de sustentabilidade implementados em empresas no Brasil, antecipando tendências e contribuindo para que o tema da sustentabilidade fique em evidência e demonstre iniciativas que podem fazer a diferença. Para a presidente da Amcham, Deborah Vietas, esse é um setor que tem que ser protagonista das mudanças que queremos em nosso país. "O prêmio relembra que todo o esforço dessas empresas para mudar seus modelos de negócios para que eles sejam mais sustentáveis é o caminho do desenvolvimento”, diz em entrevista ao Estadão.

 

Fontes: O Estado de S. PauloPrêmio ECO

Texto produzido em 25/02/2019


Últimas

Notícias

Dia Mundial dos Catadores de Lixo Reciclável celebra luta da categoria

Data promove reflexão sobre responsabilidade coletiva em dar dignidade aos trabalhadores

01/03/2024
Notícias

Cidades do futuro e os caminhos para um mundo sustentável

Demandas apontam para harmonia entre desenvolvimento urbano e preservação ambiental

29/02/2024
Notícias

Projeto de lei quer celulares com baterias removíveis e substituíveis

Regra evitaria que milhões de aparelhos sejam inutilizados e descartados precocemente

28/02/2024
Dicas de Reciclagem

Como a reciclagem do lixo ajuda o meio ambiente

Entenda por que separar corretamente o lixo reciclável contribui para um mundo sustentável

27/02/2024