Recicla Sampa - Saiba onde descartar entulhos em SP
Recicla Sampa
sp156

Para esclarecer dúvidas sobre os serviços de coleta domiciliar de resíduos sólidos, limpeza urbana e varrição pública entre em contato com o 156 ou clique aqui.

Saiba onde descartar entulhos em SP

Veja outros artigos relacionados a seguir

Foto1
Lixo comum, caçamba ou EcoPonto; depende da quantidade gerada pela obra. Foto: Andreia Agostinho / shutterstock.com

Nas últimas décadas, com o aumento da urbanização e da construção civil, a quantidade de resíduos gerados em obras também cresceu e transformou o reaproveitamento dos materiais em uma alternativa para a redução do impacto ambiental do setor.

A reciclagem de entulhos pode ser feita de diferentes maneiras, desde a simples reutilização de materiais como tijolos e telhas, até a produção de agregados reciclados, como areia e brita.

No fim do ciclo de reciclagem, o material é utilizado na fabricação de concreto e argamassa, na pavimentação de estradas, entre outras aplicações.

Como descartar entulhos em SP

Aqui na capital, se os restos da sua obra não ultrapassarem os 50kg, você pode descartar normalmente na coleta domiciliar. Isso mesmo! Pode descartar junto com o lixo comum.

Agora, se o entulho ultrapassar os 50kg, o que quase sempre acontece, você precisa contratar uma caçamba devidamente regularizada ou dar um jeito de transportar os resíduos até o Eco Ponto mais próximo da sua casa.

Lembrando que descartar o entulho nas vias ou em “pontos viciados” pode gerar uma multa bem salgada de mais de R$ 30 mil.

Clique aqui e veja a lista de empresas devidamente regularizadas na Prefeitura de SP

Clique aqui e encontre o EcoPonto mais próximo da sua casa

Reciclagem de entulhos no Brasil

Conduzida pela Associação Brasileira para Reciclagem de Resíduos da Construção Civil e Demolição (Abrecon), uma pesquisa revelou que a reciclagem de entulhos aumentou entre 2020 e 2022.

Ainda de acordo com a pesquisa, são atualmente cerca de 400 unidades de reciclagem de RCD (Resíduos da Construção e Demolição) em atividade no país, que produzem 20 milhões de toneladas de agregados reciclados por ano, equivalente a quatro milhões de caçambas de entulho.  

Mas infelizmente, informa a Abrecon, as unidades brasileiras de reciclagem de entulho ainda trabalham abaixo de suas capacidades e teriam condições de produzir pelo menos o dobro do volume atual.

Segundo a associação, isso acontece principalmente pela falta de apoio do poder público nas três esferas: municipal, estadual e federal.  

“Um bom exemplo é o Plano Nacional de Resíduos Sólidos (Planares), lançado pelo Ministério do Meio Ambiente em 2022, que apresentou dados apócrifos, sem base técnica sobre destinação e reciclagem de resíduos da construção”, lamenta em nota a associação.   

Especialistas ouvidos pelo Recicla Sampa disseram que para superar esse desafio é necessário que haja uma maior articulação entre os setores público e privado, além de campanhas de conscientização da população e investimentos em tecnologias mais eficientes.

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Recicla Sampa (@reciclasampa)


Últimas

Notícias

Um caminhão de roupas é descartado por segundo no mundo

Indústria da moda é responsável por 10% das emissões de gases do efeito estufa

22/02/2024
Dicas de Reciclagem

Iniciativa instala pontos de coleta de lixo eletrônico em estações da CPTM

Pontos de Entrega Voluntária ficarão instalados em cinco estações até 29 de março

21/02/2024
Notícias

Reciclagem não é solução para crise do lixo plástico

Relatório revela que fabricantes reconhecem ineficiência da circularidade há décadas

20/02/2024
Notícias

Ministro Silvio Almeida recebe representantes dos catadores de recicláveis

Encontro discutiu importantes questões para os trabalhadores do setor da reciclagem

19/02/2024