Recicla Sampa - SP revitaliza mais um ponto de descarte irregular de lixo
Recicla Sampa
sp156

Para esclarecer dúvidas sobre os serviços de coleta domiciliar de resíduos sólidos, limpeza urbana e varrição pública entre em contato com o 156 ou clique aqui.

SP revitaliza mais um ponto de descarte irregular de lixo

Veja outros artigos relacionados a seguir

Foto1
O ponto foi revitalizado pela Prefeitura. Foto: Prefeitura SP

A Subprefeitura da Cidade Tiradentes, zona leste da capital paulista, promoveu na última semana uma ação em um ponto de descarte irregular de lixo na rua Barão Carvalho do Amparo, próximo ao Conjunto Santa Etelvina.

A revitalização do espaço incluiu uma pintura especial e plantio de mudas. Também foram realizados serviços de varrição, capinação e a retirada de lixo domiciliar e de madeira reutilizável. Tudo foi redirecionado ao Ecoponto da região.

De acordo com os números divulgados recentemente pela Autoridade Municipal de Limpeza Urbana (AMLURB), em 2016 eram cerca de 4 mil pontos de descarte irregular de lixo na capital. Atualmente, existem 1.439 pontos considerados “viciados”, espaços públicos onde parte da população descarta lixo e entulho incorretamente.

A queda de 64% no número desses pontos viciados é resultado de um conjunto de iniciativas no sentido de combater o descarte irregular de resíduos na cidade, como ações de fiscalização, educação ambiental, revitalização de espaços e ampliação do número de Ecopontos, que chegaram a 120 neste ano.

Segundo a AMLURB, em 2020 foram realizadas mais de mil apreensões de caçambas e caminhões irregulares de resíduos da construção civil, sendo 500 apreensões de caçambas irregulares e 505 caminhões. O número total de multas foi de 3.169, mais que o dobro de 2016, com 1.215 multas aplicadas.

No último ano, a Prefeitura transformou 900 locais que viviam com acúmulo de lixo e retirou cerca de 2.8 mil toneladas de resíduos das ruas através do Revitaliza SP, projeto que recupera pontos viciados com limpeza, pintura e educação ambiental. As revitalizações ocorrem todos os sábados nas 32 subprefeituras do município.

Após a transformação, os espaços continuam sendo monitorados pelos consórcios de varrição. Estima-se que o aumento na adesão dos munícipes aos Ecopontos também contribuiu para a diminuição dos pontos viciados.

Nos últimos doze meses, a Prefeitura inaugurou 16 novos Ecopontos na cidade.  Agora, são 120 espalhados pelos quatro cantos da capital. Desde 2016, foi registrado um aumento de mais de 50% de resíduos recebidos nesses espaços.

DESCARTE CORRETO

Para descartar corretamente os resíduos, a população conta com serviços públicos que recebem os diferentes materiais. No caso do entulho, o munícipe pode descartar até 50kg na coleta domiciliar ou até 1m³ nos Ecopontos. Para quantidades maiores, é preciso contratar uma caçamba devidamente cadastrada na AMLURB.

O serviço de coleta de resíduo domiciliar está presente em 100% das vias do município, cobrindo os 96 distritos da cidade. Já para os descartes volumosos, mensalmente a operação Cata-Bagulho passa nas vias recolhendo esses resíduos, mas o munícipe também pode levá-los até os espaços adequados para receber recicláveis, entulho e móveis em geral.

Clique aqui para denunciar o descarte irregular de entulho em áreas públicas ou entre em contato com o portal SP 156.

Texto Produzido em 14/6/2021


Últimas

Notícias

Brasil reciclou seis mil toneladas de latas de alumínio desde 1990

Circularidade do material gera emprego e renda para 800 mil catadores de lixo reciclável

14/06/2024
Notícias

Governo Federal anuncia investimentos em cooperativas de reciclagem no Brasil

Liberação de R$ 8 milhões vai beneficiar mais de 15 entidades e associações do setor

13/06/2024
Notícias

O que é Ecodesign e qual sua importância para a sustentabilidade

Tendência busca minimizar impactos ambientais durante o ciclo de vida dos produtos

12/06/2024
Notícias

São Paulo tem o maio mais quente em 81 anos

Entenda como a reciclagem contribui para conter o aquecimento global

11/06/2024