Subprefeitura Freguesia / Brasilândia promove reciclagem de eletrolixo

30/06/2021

Imagem - Thaíde descarta seus resíduos eletrônicos em ponto de coleta em São Paulo. Foto: Recicla Sampa

Thaíde descarta seus resíduos eletrônicos em ponto de coleta em São Paulo. Foto: Recicla Sampa

A subprefeitura Freguesia / Brasilândia participa das atividades da Semana do Cooperativismo com uma ação de arrecadação de eletrônicos de pequeno porte para a reciclagem.

Os Itens aceitos são celulares, carregadores, fontes de energia, fios, cabos, computadores, aparelhos de televisão e fornos de microondas

Os materiais podem ser entregues na sede da subprefeitura e nas Casas de Cultura até esta sexta-feira (2). Já os munícipes com mais de 15 quilos de eletrolixo podem acionar a subprefeitura para que os objetos sejam recolhidos em casa.

“Criamos essa ação em celebração à Semana Municipal do Cooperativsmo para envolver os moradores da região e, ao mesmo tempo, ensinar a importância do descarte correto desses materiais para o meio ambiente”, explica o subprefeito Sérgio Gonelli.

Ainda de acordo com Gonelli, todo o material será destinado às duas cooperativas ligadas à Federação Paulista de Cooperativas de Reciclagem (Fepacoore): Cooperativa Reciclagem Crescer e Coopermiti, especializada em resíduos eletrônicos. A expectativa é arrecadar duas toneladas de lixo eletrônico.

 

ELETROLIXO EM SP

Além do projeto da Green Eletron e dos pontos de descarte oferecidos pela Prefeitura, a cidade de São Paulo abriga uma iniciativa que recicla eletroeletrônicos. É a Coopermiti, referência brasileira em logística reversa do setor.

"É muito comum as pessoas associarem lixo eletrônico só com computador e com celular. Esquecem que secador de cabelo, liquidificadores e sanduicheiras são lixos e-lixos também. Tudo que funciona com eletricidade, inclusive com pilhas e baterias, entram nessa categoria”, explica Alexandre Luiz Pereira, presidente e idealizador da cooperativa de materiais eletrônicos.

Caso você tenha em sua casa aparelhos eletrônicos que precisam ser descartados, não deixe de procurar a Coopermiti, que fica na rua João Rudge, 366, Casa Verde Baixa, zona Norte da cidade.

Confira os pontos de descarte de lixo eletrônico na capital paulista e faça sua parte!

Texto produzido em 30/6/2021

Tags: notícias
Espalhe essa informação

Assuntos Relacionados