Recicla Sampa - Aparelhos de barbear e depilar não são reciclados em SP
Recicla Sampa
sp156

Para esclarecer dúvidas sobre os serviços de coleta domiciliar de resíduos sólidos, limpeza urbana e varrição pública entre em contato com o 156 ou clique aqui.

Aparelhos de barbear e depilar não são reciclados em SP

Veja outros artigos relacionados a seguir

Foto1
Apesar de reciclável em teoria, o resíduo ainda não tem reciclabilidade na prática. Foto: Aleksandr Grechanyuk / shutterstock.com

Aparelhos de barbear e depilar não são reciclados em São Paulo, nem em nenhum lugar do Brasil.

Apesar de recicláveis em teoria, são resíduos sem reciclabilidade na prática, que acabam sempre nos aterros sanitários.

É verdade que existem esforços pontuais aqui e ali, mas ainda não há um projeto de logística reversa para a reciclagem em larga escala no país.

Na verdade, há alguns anos já houve uma tentativa de implantação de um projeto nacional idealizado pela maior fabricante do setor, mas por questões de logística e comerciais ele acabou suspenso.

Ou seja, mesmo se descartadas no lixo reciclável, as hastes e lâminas serão consideradas rejeitos, principalmente pelas dificuldades encontradas nas esteiras de separação das centrais de triagem e pelo processo de reciclagem ser muito caro.

O que é lamentável, né? Afinal, além de 100% recicláveis, eles são resíduos perfurocortantes, que se descartados incorretamente podem ferir os coletores e os agente ambientais.

Isso quer dizer que você precisa embalar e proteger as lâminas, assim como faz com vidros, espetos de churrasco e facas quebradas, antes de descartar no lixo comum.

Você também pode cobrar o seu fabricante preferido para que encontre caminhos viáveis para um projeto de logística reversa, instale pontos de coleta adequados e se responsabilize pelos produtos que coloca no mercado.

Reciclagem X Reciclabilidade

Não basta um material ser reciclável, ele precisa ser de fato reciclado!

Esse é um debate constante em posts do Recicla Sampa e as escovas e tubos de pasta de dente, por exemplo, são as campeãs de reclamação do pessoal.

Por isso é preciso entender o conceito de reciclabilidade. Mas o que isso quer dizer exatamente?

Quer dizer que apesar do resíduo ser reciclável em teoria, ele ainda não interessa para o mercado da reciclagem.

Algumas vezes pelo preço do processo de reaproveitamento ser muito mais caro do que a produção em matéria-prima virgem.

Outras vezes por não existirem tecnologias e empresas especializadas na reciclagem em larga escala daquele material.

Portanto, pesquise sempre se o item que você vai consumir tem reciclabilidade e cobre do seu fabricante preferido comprometimento com a economia circular!


Últimas

Dicas de Reciclagem

Brasil produz 2,4 milhões de toneladas de eletrolixo por ano

Entenda o que é saiba onde descartar lixo eletrônico na cidade de São Paulo

18/06/2024
Notícias

São Paulo lança programa para melhorar gestão de resíduos

Projeto busca modernizar infraestrutura de tratamento e destinação do lixo no estado

17/06/2024
Notícias

Brasil reciclou seis mil toneladas de latas de alumínio desde 1990

Circularidade do material gera emprego e renda para 800 mil catadores de lixo reciclável

14/06/2024
Notícias

Governo Federal anuncia investimentos em cooperativas de reciclagem no Brasil

Liberação de R$ 8 milhões vai beneficiar mais de 15 entidades e associações do setor

13/06/2024