Eureciclo anuncia investimento de R$ 25 milhões em reciclagem no Brasil

23/06/2022

Imagem - Certificadora promete estruturar mais de 200 cooperativas e operadores de lixo reciclável. Foto: Stokkete / shutterstock.com

Certificadora promete estruturar mais de 200 cooperativas e operadores de lixo reciclável. Foto: Stokkete / shutterstock.com

Certificadora brasileira de logística reversa de embalagens, a Eureciclo anunciou o lançamento do Eureciclo Impacta, programa que prevê um investimento de R$ 25 milhões em reciclagem no Brasil.

A iniciativa promete estruturar e formalizar mais de 200 cooperativas de lixo reciclável e operadores privados e aumentar o volume de resíduos reaproveitados no país.

O montante é maior que o total investido desde o início das atividades da eureciclo em 2017 (R$ 23 milhões) e deve totalizar R$ 50 milhões até o fim deste ano.

Diretora de operações da organização, Marcella Bueno explica que todo o projeto acontece por meio da compensação ambiental e dos Certificados de Crédito de Reciclagem (CREs).

“O modelo é uma das melhores soluções para um país de dimensões continentais, já que trabalha com resíduos equivalentes”, opina Bueno.

“Ou seja, em vez de reciclar os itens exatos que colocou no mercado e não conseguiu recuperar, a empresa pode optar pela reciclagem de pesos proporcionais do mesmo tipo de material, como papelão ou vidro, por exemplo”, explica.

Como funciona o crédito de reciclagem

Basicamente, o crédito de reciclagem é um sistema pelo qual os agentes do setor (cooperativas e catadores) comprovam a destinação correta dos resíduos por meio de uma nota fiscal de venda do material coletado.

Já as empresas que precisam respeitar determinações ambientais impostas pela Política Nacional de Resíduos Sólidos compram essas notas e com elas vêm o direito associado à destinação adequada.

Assim, a empresa cumpre sua obrigação legal com a logística reversa dos produtos que coloca no mercado.

Segundo um levantamento do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), mais de 242 mil empresas possuem essa obrigação legal no Brasil.

Estima-se que atualmente o custo das empresas com obrigações ambientais fica entre 9% e 15% do faturamento. Com o crédito de reciclagem, o custo pode cair mais de 80%.

Tags: notícias
Espalhe essa informação

Assuntos Relacionados