Nestlé testa máquinas de refil de café e ração

18/08/2020

Imagem - Três máquinas de refil estão em diferentes lojas das três cidades suíças e o experimento durará quatro meses. Foto: Divulgação

Três máquinas de refil estão em diferentes lojas das três cidades suíças e o experimento durará quatro meses. Foto: Divulgação

A multinacional de alimentos e rações, Nestlé, pretende reduzir o uso do plástico em sua produção em até 30%. Para isso, está testando um novo modelo de negócio. Agora, os consumidores da Suíça, das cidades de Rorschach, Orbe e La Tour-de-Peilz, poderão levar café e ração para gatos, da marca Purina, para casa em seus próprios potes.

Três máquinas de refil estão em diferentes lojas das três cidades suíças e o experimento durará quatro meses. De acordo com a empresa, até agora, a adesão dos consumidores tem sido positiva e satisfatória.

“Sempre que novos produtos são testados, é preciso garantir que eles cheguem aos clientes de forma segura e higiênica”, conta Hélène Lanctuit, responsável pelo setor de embalagens da marca.

Essas inovações fazem parte de uma meta da empresa que, recentemente, anunciou que suas embalagens serão produzidas com plástico 100% reciclável até 2025, além de reduzir o uso do material virgem em sua produção.

No Brasil

Enquanto as máquinas de refil são um experimento na Suiça, no Brasil existem outras ações. Por exemplo, um produto da multinacional virou febre por aqui: as cápsulas de café da Nespresso. O grande consumo dessa mercadoria gera um aumento de resíduos preocupante.

Por isso, a empresa tem feito algumas ações para aumentar a reciclagem do material no país, como incentivar que os clientes levem os resíduos até as lojas autorizadas e até mesmo transformar os itens em canetas para os consumidores.

Fonte: Pack Word

Texto produzido em 29/06/2020

Tags: notícias
Espalhe essa informação

Assuntos Relacionados