Recicla Sampa - Parque Ibirapuera quer ser lixo zero até 2025
Recicla Sampa
sp156

Para esclarecer dúvidas sobre os serviços de coleta domiciliar de resíduos sólidos, limpeza urbana e varrição pública entre em contato com o 156 ou clique aqui.

Parque Ibirapuera quer ser lixo zero até 2025

Veja outros artigos relacionados a seguir

Foto1
Iniciativa busca transformar espaço em referência na gestão de resíduos na América Latina. Foto: ADVTP / shutterstock.com

Em parceria com uma multinacional petroquímica, a concessionária Urbia quer transformar o Parque Ibirapuera em referência na América Latina, com lixo zero até 2025.

De acordo com a gestora do parque, a iniciativa tem como principal objetivo apoiar o Ibirapuera na gestão do lixo gerado pelo público e zerar os resíduos enviados para os aterros sanitários nos próximos três anos. 

Para incentivar o descarte correto e a reciclagem, será instalada uma Central de Resíduos dentro do próprio parque, além de coletores digitais e analógicos para o lixo reciclável com sistema de cashback.

Esse sistema oferece pontos que poderão ser trocados por benefícios, como descontos nos restaurantes e lanchonetes do Ibirapuera.

Todo o lixo reciclável coletado será processado por uma cooperativa composta apenas por mulheres e encaminhado para empresas especializadas na reciclagem dos diferentes tipos de materiais. 

Além disso, a iniciativa também prevê repaginar com informações claras sobre o que pode e o que não pode ser descartado as cerca de 500 lixeiras espalhadas pelo parque.

O que é lixo zero?

De acordo com a Zero Waste International Alliance (ZWIA), o conceito do termo pode ser resumido da seguinte forma: conservar os recursos naturais do planeta através de processos ambientalmente responsáveis de produção, consumo e reutilização de produtos e embalagens.

Seu objetivo é um criar um sistema econômico livre de resíduos enviados para aterros, máquinas de incineração, florestas e oceanos. Na essência, o movimento busca alterar a cultura do “comprar, usar e descartar”. 

No lugar, promove uma abordagem mais circular e menos linear da forma como consumimos atualmente. Seus princípios são orientados pela responsabilidade compartilhada por fabricantes, governos e população. 

Na verdade, o Lixo Zero busca investigar e alterar todo o ciclo de vida de um produto ou material, destacando ineficiências, práticas de produção e de consumo insustentáveis. 

É uma ideia que pretende minimizar ou até extinguir o desperdício, desde a produção até o consumo final. 

Sua meta é fechar o ciclo proposto pela economia circular e redefinir todo o conceito de resíduo, garantindo que os recursos permaneçam em uso pelo maior tempo possível antes de serem devolvidos à terra, de preferência com pouco ou nenhum impacto ambiental no momento do descarte.


Últimas

Notícias

Brasil pode alcançar 95% de energia renovável até 2026

Pesquisa coloca país na vanguarda mundial da transição energética

04/03/2024
Notícias

Dia Mundial dos Catadores de Lixo Reciclável celebra luta da categoria

Data promove reflexão sobre responsabilidade coletiva em dar dignidade aos trabalhadores

01/03/2024
Notícias

Cidades do futuro e os caminhos para um mundo sustentável

Demandas apontam para harmonia entre desenvolvimento urbano e preservação ambiental

29/02/2024
Notícias

Projeto de lei quer celulares com baterias removíveis e substituíveis

Regra evitaria que milhões de aparelhos sejam inutilizados e descartados precocemente

28/02/2024