Recicla Sampa - Quarentena? É hora de investir na coleta seletiva
Recicla Sampa
sp156

Para esclarecer dúvidas sobre os serviços de coleta domiciliar de resíduos sólidos, limpeza urbana e varrição pública entre em contato com o 156 ou clique aqui.

Quarentena? É hora de investir na coleta seletiva

Veja outros artigos relacionados a seguir

Foto1
Durante isolamento social, coleta seletiva da cidade de São Paulo continuará funcionando. Foto: Freepik

A pandemia causada pelo coronavírus determinou o isolamento social. A regra é: se puder, fique em casa. Como resultado, há aumento da geração de resíduos domiciliares, por isso é fundamental que os cidadãos sigam separando o lixo.

E como está funcionando a coleta seletiva em São Paulo? As Centrais Mecanizadas de Triagem, que separam os resíduos automaticamente por tipo e cor (saiba mais aqui), continuarão operando e a venda desses materiais continuará beneficiando as cooperativas habilitadas pela Prefeitura.

No entanto, durante o período de isolamento, houve uma mudança dentro das Centrais. Como os cooperados realizam uma seleção manual dos resíduos, para garantir a inspeção e qualidade feita pela separação automática, houve a necessidade do afastamento desses trabalhadores. Por segurança, a orientação é de que eles fiquem em casa.   

“Continuem separando os materiais corretamente, o que será separado nas máquinas de reciclar será comercializado e revertido em benefícios para os trabalhadores”, diz o presidente da Coopercaps, Telines Basílio Nascimento Júnior, mais conhecido como Carioca.

A cooperativa atua selecionando os itens dentro da Ecourbis e da Loga, concessionárias que fazem a coleta de resíduos na capital.  

O Recicla Sampa separou algumas dicas simples para ajudar na coleta seletiva:

  1. Tenha duas lixeiras em casa. Uma para lixo orgânico e outra para lixo reciclável. Se possível, coloque etiquetas indicando cada uma delas;
     
  2. Não molhe o material reciclável. Isso inviabiliza seu reaproveitamento;
  3. Retire os resíduos de embalagens de vidro, plástico, longa vida, garrafas pet e latas antes de reciclá-las;
  4. Na hora de descartar materiais cortantes - vidro, por exemplo - não esqueça de embrulhar em jornais ou papéis de espessura grossa e etiquetar. Isso evita que o coletor se machuque;
  5. Restos de alimento e cascas de frutas são lixo orgânico. Por isso não misture com o lixo reciclável;
  6. Não jogue máscaras e luvas usadas no lixo reciclável.

Saiba o horário e o dia que o caminhão da coleta seletiva passa em frente a sua casa clicando aqui.

Texto produzido em 24/03/2020

 


Últimas

Dicas de Reciclagem

Brasil produz 2,4 milhões de toneladas de eletrolixo por ano

Entenda o que é saiba onde descartar lixo eletrônico na cidade de São Paulo

18/06/2024
Notícias

São Paulo lança programa para melhorar gestão de resíduos

Projeto busca modernizar infraestrutura de tratamento e destinação do lixo no estado

17/06/2024
Notícias

Brasil reciclou seis mil toneladas de latas de alumínio desde 1990

Circularidade do material gera emprego e renda para 800 mil catadores de lixo reciclável

14/06/2024
Notícias

Governo Federal anuncia investimentos em cooperativas de reciclagem no Brasil

Liberação de R$ 8 milhões vai beneficiar mais de 15 entidades e associações do setor

13/06/2024