Isolamento social aumenta quantidade de embalagens no dia a dia. Foto: Freepik

Serviço de delivery gera resíduos e aumenta importância da reciclagem

03/08/2020

Você já parou pra pensar o quanto você produz de resíduos quando pede pizza no sábado à noite? Ou aquele lanche da sua hamburgueria favorita? O Recicla Sampa quis entender o impacto do delivery em tempos de pandemia. Para isso, convidamos Thaíde, um dos nomes mais conhecidos do hip hop brasileiro, para mostrar em vídeo a quantidade de resíduos produzidos por ele e pela família durante o isolamento social.

Durante dois dias, eles aceitaram o desafio do experimento e armazenaram tudo que geraram de lixo. O resultado foi um enorme acúmulo de materiais, como isopor, plástico e papelão. E mais: a experiência apontou que grande parte desses itens foi gerada pelas embalagens de pedidos de delivery.

No primeiro dia do experimento, protegido com máscara e luvas, o rapper buscou na portaria do prédio onde mora refeições que suas filhas pediram: lanches, estrogonofe de camarão, comida japonesa, entre outros pedidos. Depois de desinfectar as embalagens com produtos de limpeza e também lavar alguns itens com bucha, água e detergente, o músico, ao descartar as embalagens, percebeu que preencheu um saco de aproximadamente 30 litros só com isopor e plástico, já no início da experiência.

No segundo dia, apenas na hora do almoço foram enviadas pelo delivery aproximadamente 10 embalagens de isopor. “Não fazíamos ideia de quanto lixo gerávamos até fazer essa experiência por dois dias seguidos. Isso me mostrou o quanto tenho que aprender sobre o meu próprio resíduo”, contou.

O impacto final da experiência resultou em dois sacos de aproximadamente 30 litros cheios de embalagens. “Isso nos fez repensar nosso consumo e diminuir a quantidade de pedidos por delivery”, disse.

Um estudo feito pela Corebiz, empresa de inteligência para marcas de varejo, mostrou que a receita das compras por entrega no segmento alimentício cresceu 77% entre os dias 1º e 18 de março, em relação ao mesmo período do ano passado. O aumento se dá por conta do isolamento social determinado para conter o novo Coronavírus, o que obrigou as pessoas a ficarem muito mais em casa.

Para Thaíde e sua família, além de diminuir a quantidade de pedidos, eles acabaram redobrando o cuidado com a separação do lixo entre comum e reciclável, destinando um saco azul para os que são passíveis de reciclagem e um preto para o comum. 

“Tenho aprendido muito com os trabalhos que faço para o Recicla Sampa e melhorando a forma que lido com os meus resíduos. Antes, eu misturava meu lixo, não me preocupava em separá-los. Hoje, isso já não acontece”.

Imagem - Thaíde não fazia ideia da quantidade de resíduos que gerava antes da experiência. Foto: Recicla Sampa

Thaíde não fazia ideia da quantidade de resíduos que gerava antes da experiência. Foto: Recicla Sampa

O rapper, a esposa e as duas filhas, isolados em casa, são um recorte de milhões de famílias pelo país que estão vivendo essa nova realidade durante a pandemia. Só na cidade de São Paulo, por exemplo, nota-se o reflexo desse isolamento com o aumento da coleta seletiva no município durante o período de quarentena.

Em junho, houve um acréscimo de 35% de resíduos recolhidos em relação ao mesmo período do ano passado. Foram 7,8 mil toneladas nesse mês em 2020 contra 5,8 mil toneladas na mesma época em 2019. Esses são os dados mais recentes da Autoridade Municipal de Limpeza Urbana (Amlurb).

Vale lembrar que a coleta seletiva na capital paulista continua sendo realizada. Durante esse período de confinamento, é importante que a população adote alguns cuidados simples com relação aos resíduos que produz. Isso pode garantir a saúde e proteção dos profissionais que zelam pela cidade e se arriscam para manter essa operação em funcionamento.

Imagem - O rapper, a esposa e as duas filhas, isolados em casa, são um recorte de milhões de famílias pelo país que estão vivendo essa nova realidade durante a pandemia. Foto: Recicla Sampa

O rapper, a esposa e as duas filhas, isolados em casa, são um recorte de milhões de famílias pelo país que estão vivendo essa nova realidade durante a pandemia. Foto: Recicla Sampa

Ainda estamos em situação de pandemia, veja algumas dicas para descartar seu lixo corretamente nesse período:

  • Ensaque duas vezes os materiais descartados e faça um nó bem forte
  • Os sacos devem ser resistentes e preenchidos com até dois terços da capacidade
  • Descarte luvas e máscaras de proteção no lixo comum

Para saber o dia e o horário que o caminhão da coleta passa na sua rua, basta clicar aqui.

Texto produzido em 09/07/2020

Tags: reportagens, vídeos
Espalhe essa informação

Assuntos Relacionados