Recicla Sampa - Multinacional de reciclagem de alumínio cria centros de coleta no Brasil
Recicla Sampa
sp156

Para esclarecer dúvidas sobre os serviços de coleta domiciliar de resíduos sólidos, limpeza urbana e varrição pública entre em contato com o 156 ou clique aqui.

Multinacional de reciclagem de alumínio cria centros de coleta no Brasil

Veja outros artigos relacionados a seguir

Foto1
O Brasil está na liderança da reciclagem de latas há mais de 10 anos. Foto: Racool / Freepik

A empresa líder mundial em laminados e reciclagem de alumínio, a Novelis, está apostando no potencial econômico e ambiental brasileiro e abrirá centros de coleta em João Pessoa, na Paraíba, em Brasília, no Distrito Federal e em Bauru, no interior de São Paulo. A ação aconteceu depois da multinacional anunciar um investimento no país para aumentar a capacidade da reciclagem do material.

“Acreditamos que expandir nossa presença na região brasileira é uma ótima oportunidade de conscientizar a população, em relação à importância da reciclagem e desenvolvimento do mercado de alumínio no país. Com essas novas unidades, avaliamos a possibilidade de iniciar nossas operações em diferentes regiões e buscar por bons desempenhos locais com a reciclagem”, diz Alfredo Veiga, diretor de Metal da Novelis.

A iniciativa fará parcerias com as cooperativas das regiões, além de objetivar o aumento na compra de latas de bebidas usadas regionalmente. Esses novos pontos de coleta (para localizá-los, acesse aqui), ao todo, possuem a capacidade de processar cerca de 2.100 toneladas de embalagens por mês, facilitando o envio do material usado para Pindamonhangaba, no interior de São Paulo. É lá que fica uma das sedes principais da empresa, que atualmente é considerada o maior centro de reciclagem da América do Sul.

Os novos centros de coleta irão contribuir mais ainda com a taxa de reciclagem de latas no Brasil. Para se ter uma ideia, em 2018, o índice no país foi de 96,9% de reaproveitamento. O Brasil está na liderança da reciclagem de latas há mais de 10 anos e, de acordo com dados da Associação Brasileira do Alumínio (ABAL), em 2017, foram mais de 300 mil toneladas de embalagens que retornaram ao mercado produtivo. Segundo a Associação Brasileira dos Fabricantes de Latas de Alumínio (Abralatas), o consumo de latinhas cresceu 8,5% no mesmo ano.

A Novelis diz que tem participação ativa e fundamental para a conquista desse número, reciclando mais da metade dos materiais na fábrica de Pindamonhangaba. Hoje em dia, a latinha é o principal produto fabricado pela multinacional no Brasil.

A Novelis também pretende expandir a capacidade de sua fábrica de Pindamonhangaba. A unidade elevará a potência da fabricação de latas para 680 mil toneladas por ano e da reciclagem para 450 mil toneladas por ano.  

Fonte: Tem Sustentável

Texto produzido em 02/07/2020


Últimas

Notícias

Brasil reciclou seis mil toneladas de latas de alumínio desde 1990

Circularidade do material gera emprego e renda para 800 mil catadores de lixo reciclável

14/06/2024
Notícias

Governo Federal anuncia investimentos em cooperativas de reciclagem no Brasil

Liberação de R$ 8 milhões vai beneficiar mais de 15 entidades e associações do setor

13/06/2024
Notícias

O que é Ecodesign e qual sua importância para a sustentabilidade

Tendência busca minimizar impactos ambientais durante o ciclo de vida dos produtos

12/06/2024
Notícias

São Paulo tem o maio mais quente em 81 anos

Entenda como a reciclagem contribui para conter o aquecimento global

11/06/2024